Terça, 12 de dezembro de 201712/12/2017
(61) 985100214
Nublado
18º
18º
23º
Federal District - BR
Erro ao processar!
CULTURA
Sexo aos 60: Ribondi volta aos palcos com solo sobre envelhecer 'furunfando'
"Se minhas rugas falassem" é o revelador subtítulo da peça: rir da própria cara ao contar, no Teatro do Brasília Shopping, sobre a arte de envelhecer e lidar com uma nova vida sexual'
Da Redação Brasília - DF
Postada em 26/04/2017 ás 02h18
Sexo aos 60: Ribondi volta aos palcos com solo sobre envelhecer 'furunfando'

Divulgação

Sexo aos 60 é uma peça solo escrita, dirigida e interpretada por Alexandre Ribondi que, há 47 anos, tem estado nos palcos de Brasília. Trata-se de relatos pessoais sobre a arte de envelhecer - e envelhecer com humor, com alegria e com a constatação de que certos desastres físicos e espirituais são inevitáveis.

 

O sexo para os sexagenários deve ser praticado com sabedoria, paciência e muito fôlego. É a partir daí que Ribondi faz as inevitáveis comparações com a juventude. Ele trata de responder a algumas perguntas e a desvendar alguns mitos. Há orgasmo após seis décadas de vida? Se há, qual é a autonomia da ereção? Os gritos e clamores alcançam quantos decibéis? As novas pílulas que existem no mercado são realmente necessárias ou servem apenas para esquentar as bochechas do pobre homem que as ingere? É possível pedir bis? E, finamente, os cabelos brancos contribuem ou atrapalham?

 

Ribondi tem se dedicado a buscar respostas para essas perguntas que afligem a humanidade. Mas, enquanto isso, tem trabalhado bastante em outras causas. Ele é professor de teatro nas Oficinas do Ribondi, que acontecem no novo espaço dedicado à cultura na capital da República, a Casa dos Quatro. Estreou no teatro em 1970, com o espetáculo Mandala, dirigido por Laís Aderne.

 

Ribondi concebeu e dirigiu o primeiro show de Cássia Eller, batizado com o nome de Gigolôs, nos anos 80. Já apresentou suas peças nas principais cidades brasileiras e no interior do país. Além disso, em Portugal ele trabalhou como ator e como coordenador de oficinas de teatro. Foi à Itália com a peça Cru, de sua autoria, que recebeu cerca de 10 prêmios em festivais espalhados pelo país. Como criador e manipulador de marionetes, já trabalhou na França.

 

Toda essa experiência ele usa para subir ao palco e fazer rir, falando da intimidade de quem, como ele, já fez a curva dos 60 anos. Como diz o próprio Ribondi: "Subir no palco sozinho para fazer comédia é como entrar numa arena para segurar um touro pelos chifres. É esforço físico, exige uma certa coragem para quando você ouve o olé, que vem em forma de gargalhadas, aí você sabe que está no caminho certo".

 


SERVIÇO

Espetáculo: “Sexo ao 60 – Se minhas rugas falassem”

Local: Teatro do Brasília Shopping

Data e hora: 06 a 29 de maio de 2017 (sábados e domingos às 20h)

Ingressos: R$40 (inteira), R$20 (meia)

Classificação Indicativa: 16 anos

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

Publicidade

Facebook

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Enquete
Se as eleições presidenciais do Brasil fossem hoje, em quem você votaria?

Lula
120 votos - 54.5%

Jair Bolsonaro
52 votos - 23.6%

Marina Silva
39 votos - 17.7%

Aécio Neves
9 votos - 4.1%

© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium